Inovação, atenção e protagonismo para o aluno - Unifemm
3121062106 | ouvidoria@unifemm.edu.br

Notícias Unifemm

Inovação, atenção e protagonismo para o aluno

 

UNIFEMM entra em 2019 com um pacote de novidades

Um curso de direito para formar o “advogado do futuro”, que atuará no mundo modificado pela digitalização. Laboratórios revitalizados e completos, sem igual na região. Impressora digital 3D para experiências em sala de aula. Cursos EAD, classes de inovação e nova economia. Uma plataforma de gestão de carreiras para o aluno administrar sua vida profissional desde a inscrição no vestibular. Uma Central de Carreiras potencializada por novos convênios empresariais para a promoção de estágios. “O UNIFEMM está vivíssimo e começamos 2019 cheio de novidades”, diz o reitor Antonio Bahia, em entrevista exclusiva.

No comando da instituição que esse ano completará 53 anos de atividade ininterrupta, Antonio Bahia revela, por exemplo, que os alunos da instituição já estão realizando projetos executivos (prontos para captar recursos) que poderão mudar o cenário urbano e social de Sete Lagoas. E o reitor faz uma denúncia: há uma campanha de fake news para prejudicar a imagem da instituição. “Quem fala mal do UNIFEMM prejudica a cidade”, avalia ele.

Confira a entrevista.

Em 2019, o UNIFEMM entra em seu 53º ano. Enquanto no mundo de hoje se fala muito em inovação, o que o UNIFEMM tem a oferecer nessa linha?

A inovação é a nossa realidade. Sempre olhamos para o futuro. Nosso curso de Direito, o mais respeitado da região, teve sua grade curricular revisada e contempla temas que já dão ao aluno a preparação para que ele se transforme no Advogado 4.0 que atuará em um mundo globalizado e digitalizado, com diversas situações criadas pelas mudanças de vida e comportamento trazidas pela tecnologia. Esse é só um exemplo. Todos os outros cursos foram revisados para melhor, E nossos novos cursos EAD, com os mesmos professores dos cursos presenciais e a mesma qualidade UNIFEMM.

Novidades também em termos tecnológicos?

Ano passado adquirimos uma “marqueteira” e uma impressora 3D que entram em plena operação em 2019. Esses equipamentos serão usados na capacitação dos alunos de Arquitetura e Engenharia. Nossos laboratórios, os melhores da região, foram completados ou ampliados. Teremos atividades complementares para discutir inovação e o mundo da nova economia. E dia 18 vamos inaugurar uma central de relacionamento com o aluno, para melhor atendê-lo.

Frente à concorrência de tantas outras universidades, qual a estratégia do UNIFEMM para manter-se competitiva?

Nosso diferencial é nossa qualidade de ensino. Nosso diploma é o que mais emprega na cidade. 70% dos advogados da cidade se formaram no UNIFEMM, por exemplo. E hoje os alunos do UNIFEMM já desenvolvem projetos executivos que podem ser adotados pelo poder público e virar realidade. Ou seja, saem prontos para o mercado. Em 2018, estagiários da Engenharia realizaram um projeto para a recuperação do Canal do Montreal. E eles vão agora apresentar à comunidade um projeto para a renovação da mobilidade urbana da cidade e que pode diminuir o custo do transporte. Esse são projetos incríveis.

Fala-se, na cidade, sobre problemas econômicos do UNIFEMM. Qual é a verdade?

Obrigado por perguntar, pois assim posso informar que o UNIFEMM está em dia com os salários de empregados, a remuneração de seus professores e suas obrigações fiscais. Nem toda Instituição de Ensino Superior na cidade pode dizer a mesma coisa. É verdade que as matrículas estão diminuindo, mas essa é uma realidade para todas as instituições. Todas, sem exceção. Dentro desse contexto, essa história de dificuldades é uma “fake news”. Temos indícios de que foi plantada na cidade por interesses contrários ao UNIFEMM, devido a interesses comerciais velados. Quem fala mal do UNIFEMM age contra os interesses de Sete Lagoas e região.

Como assim? Pode explicar?

Quando alguém fala que o UNIFEMM vai mal, fala contra os milhares de alunos que hoje lá estudam e estão se preparando para entrar no mercado. Prejudica os sonhos de centenas de outros estudantes que pretendem entrar no UNIFEMM. Coloca em risco a manutenção de serviços gratuitos prestados pelos alunos à comunidade, como as centenas de bolsas e os mais de 1.200 atendimentos gratuitos por ano oferecidos pelo Núcleo de Assistência Jurídica. O UNIFEMM existe para servir a Sete Lagoas e região. Nascemos aqui, vivemos aqui e por isso entendemos a realidade que nos cerca. Não estamos aqui apenas para vender educação e ganhar dinheiro. Fazemos parte da comunidade.

Confira outras Notícias

A+
A
A-
PD
AC
Atendimento via chat
Atendimento via chat